7 itens extremamente importantes durante a manutenção preventiva

7 ITENS IMPORTANTÍSSIMOS NA HORA DA MANUTENÇÃO PREVENTIVA

Conteúdo

Você também pode escutar esse conteúdo!

Quase todos nós reconhecemos a importância de realizar regularmente uma manutenção preventiva. Através dela, mantemos o veículo funcionando corretamente, reduzimos o consumo de combustível, evitamos problemas graves e prejuízos futuros, além de garantir um bom estado do carro caso desejemos vendê-lo ou trocá-lo.

Neste artigo, selecionamos uma lista de alguns itens que devem ser sempre verificados durante uma revisão, juntamente com outros cuidados que devemos ter ao buscar esse serviço. Confira!

toyota usa equipamentos kmc tecnologia automotiva

Pneus

Sendo um dos componentes mais sujeitos ao desgaste em um veículo, é essencial realizar a revisão dos pneus. Verifique se os sulcos estão excessivamente gastos – você pode usar uma moeda para medir: se a moeda entrar menos de meio centímetro, indica desgaste. Portanto, procure uma revendedora confiável e, se necessário, substitua os quatro pneus de uma só vez. Lembre-se de que, além da segurança, os pneus desgastados aumentam o consumo de combustível.

Velas

Não deixe as velas chegarem ao ponto de falhar antes de substituí-las. Realize esse procedimento conforme as instruções do fabricante. Esse é um componente crucial para o consumo de combustível, portanto, não hesite em substituir todas de uma vez se apenas uma apresentar problemas.

Troca de fluido de lubrificação

Durante a manutenção preventiva, esteja sempre atento à troca dos fluidos. Tanto o óleo do motor quanto o filtro devem ser substituídos a cada 10 mil quilômetros ou a cada seis meses de uso – no entanto, problemas podem surgir em um período menor, o que pode prejudicar seriamente o motor. Ao detectar qualquer sinal de mau funcionamento, faça a substituição. Também verifique os níveis de óleo da transmissão e direção hidráulica.

Filtro de ar

Esse é outro componente de extrema importância no motor, pois o fluxo de ar desempenha um papel fundamental no seu funcionamento adequado, evitando um desgaste excessivo. Sua manutenção é simples e econômica, recomendando-se a substituição a cada 12 meses, embora isso possa variar dependendo do uso do veículo. Quanto mais frequente for a utilização do carro, mais cedo será necessária a troca.

Alinhamento e balanceamento

rampa de alinhamento kmc

Além da segurança e estabilidade, um bom alinhamento e balanceamento são essenciais para manter os pneus em bom estado. Recomenda-se realizar esse procedimento a cada 10 mil quilômetros, mas caso você perceba qualquer irregularidade na estabilidade (o que pode ocorrer após passar por um grande buraco ou terreno acidentado, por exemplo), leve o veículo a uma oficina mecânica ou centro automotivo que façam esse tipo de serviço, através de máquinas de alinhamento automotivo e balanceadora de rodas.

Sistema de freios

Outro item que deve ser verificado a cada 10 mil quilômetros. Verifique o nível do óleo, o estado dos discos e das pastilhas. Além de serem extremamente importantes para a segurança, freios mal regulados podem aumentar o consumo de combustível, pois o motor precisa fazer um esforço maior para se movimentar.

Conteúdo Relacionado:

Vale a pena investir no serviço de troca de Óleo?
Como agregar valor e serviços a sua oficina automotiva
Quais as transformações digitais no setor automotivo
O que não pode faltar na inspeção veicular?
Quais os principais tipos de manutenção automotiva
7 Intens importantes na hora da manutenção preventiva
Como preservar bem o seu carro
Quais são os serviços de mecânica automotiva mais requisitados?
Entenda como funciona a inspeção veicular obrigatória

Nossos Produtos

Orçamento sem Compromisso

Precisa de Informações?